Estou em Crise, vou fugir ou lutar?


Em toda a nossa vida, sempre ouvimos falar das "crises", como por exemplo: crise existencial, crise familiar, crise conjugal, crise dos 30 anos, crise de fé, crise financeira, crise política, enfim, tantas crises, que parece que estamos a todo momento em constantes crises, mas afinal o que significa esta palavra?

De acordo com o dicionário, crise significa uma mudança brusca produzida no estado de um doente, causada pela luta entre o agente agressor e os mecanismos de defesa. No sentido figurado, significa um momento perigoso ou difícil; período de desordem.

Já o famoso Albert Eisntein¹ diz que: “A crise é a maior benção que pode acontecer às pessoas e aos países, porque a crise traz progressos. É na crise que nascem os inventos, os descobrimentos e as grandes estratégias. É na crise que aflora o melhor de cada um, porque, sem crise, todo o vento é uma carícia. Falar da crise é promovê-la, calar-se na crise é exaltar o conformismo. Em vez disto, trabalhemos duro. Acabemos de uma vez com a única crise ameaçadora, que é a tragédia de não querer lutar para superá-la.”

De fato, a crise chega para todos, e que bom que chega, porque ali, naquele momento, que muitas vezes parece ser uma loucura, não ter saída, é quando podemos nos encontrar conosco mesmo, com a nossa limitação, com as nossas misérias, com tudo aquilo que muitas vezes estava bem guardado no nosso coração e que até então estava tudo bem.

E aí meus irmãos, ela vem, agita tudo que estava parado, os pensamentos tomam conta, você não tem controle, tem vontade de pular do barco, de sair fora para não ter que mexer nas realidades da sua vida que estavam ali quietas e totalmente paradas.

Quando nos abrimos para viver esta crise, entramos no significado real do que ela pode nos proporcionar: amadurecimento, crescimento, rompimento, sair do comodismo, porém, para que possamos experimentar isso, precisa existir em nós uma força que nos permite lutar para encararmos esta crise. Concordo plenamente com o Albert Einstein, é preciso LUTAR para superar, e essa luta não é fácil, machuca, dói, sangra, pode nos ocasionar até a morte daquilo que precisa, porém a grande certeza da superação, é que nascerá algo melhor em nós.

E de onde vem essa força? Só conseguimos superar estas crises com a certeza daquele que é a verdade, o caminho e a vida, o próprio Deus nos ajuda a lutar e a ordenar tudo aquilo que precisa.

Há exatamente 1 ano e 2 meses tive uma crise muito doida, minha filha Luanna tinha acabado de nascer. Eu estava há dias sem dormir. Não estava entendendo muito bem a dinâmica com 3 crianças, meu marido deu “PT” por não estar conseguindo também descansar, teve até que ir para o hospital. Minha filha do meio, Manuella, não estava entendendo muito bem a chegada da Luanna, então ela estava bem nervosa. E aí a crise chegou, eu estava sentada, dando de mamar para Luanna, com os pensamentos a mil, pensando que deveria ir embora da comunidade, que nada estava fazendo sentido. Minha família, aqui (na casa de missão), incomodando o dia-a-dia da missão, que eu deveria voltar para o meu apartamento, me esconder com minhas filhar por lá, que eu não iria dar conta de 3 crianças, de ser esposa, missionária. Deparei-me comigo mesmo, sem força, cansada, chorando litros, enquanto a Luanna mamava e o pensamento gritando:

“Eu vou embora, quero ir embora, vou jogar tudo pro alto, não vou dar conta, como viverei uma consagração de vida?”

Então, naquele momento comecei de fato a rezar e pedir para que Deus me ajudasse, foi realmente uma oração sincera e ali reconheci que sozinha não dava, que eu não tinha o controle de nada. E aí começou o meu processo de rompimento e amadurecimento, veja bem, um processo, porque as coisas não são do dia para a noite como um passe de mágica. Existe este processo, o qual nos permite surtar, sair fora da casinha, chorar, refletir, rezar e nesse processo vem as lutas para podermos superar a crise. Lutas essas, que ficam marcadas para lembrarmos da graça de Deus na nossa vida que vem em nosso auxílio em todos os momentos. Esse Deus, que nos mostra a verdade, que cuida das nossas feridas durante as lutas, e que nos ajuda a sermos melhores e mais fiéis ao nosso chamado. Quando travei esta luta com Deus ao meu lado, tive a certeza do lugar em que eu deveria estar, e que eu estava pronta para avançar para águas mais profundas, de dar passos maiores ao projeto de Deus na minha vida.

Que hoje você possa refletir quais tem sido suas crises, e como tem sido seu olhar diante delas, tem sido um olhar de fuga ou de lutar para superar e crescer naquilo que Deus tem te confiado?

Christianne Marcelino

Consagrada de Vida

Comunidade Católica Instrumento de Deus

Referências:

¹https://opticanet.com.br/secaodesktop/colunaseartigos/3015/a-crise-segundo-albert-einstein

LOCALIZAÇÃO

Casa Sede

 

R. Carmina Pasqui, 55 - Vila Dom Pedro II, São Paulo - SP, Brasil

Missão Parada Inglesa

Casa de Oração

 

Tv. Jonas Barbieri, 1 - Vila Maria Baixa, São Paulo - SP, Brasil

Missão Oásis da Imaculada

SIGA-NOS
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Icon
  • Instrumento de Deus

(11) 2955-5806 | (11) 98781-4556 | secretaria@instrumentodedeus.com.br

Comunidade Católica Instrumento de Deus

Roberto Castilho Gandarez