Caminho Vocacional

“A formação não é tanto dinamismo de auto realização quanto de quanto auto-transcendência; não é somente conhecimento de si, mas também descoberta de um novo e mais verdadeiro eu, moldado conforme a verdade-beleza-bondade do ideal.”

CENCINI, Amadeo. Os sentimentos do Filho – Caminho Formativo na Vida Consagrada. São Paulo: Edições Paulinas, 2002. p. 12.

NECESSIDADES

PARA O INGRESSO NA COMUNIDADE

  • Ser Católico Apostólico Romano;
  • Ser maior de idade (18 anos)
  • Desejo da busca pela Santidade
  • Estar engajado(a) na Comunidade/Paróquia onde vive;
  • Estar disposto(a) a viver num grupo de vida fraterna;
  • Ser aceito(a) pela Comunidade;

ETAPAS

DO PROCESSO FORMATIVO

Comunidade de Aliança
  • Vocacional
  • Caminho
  • Encontro
  • Discipulado 1
  • Discipulado 2
Comunidade de Vida
  • Vocacional
  • Caminho
  • Encontro
  • Deserto
  • Discipulado Missionário
  • Discipulado 2

    Sobre cada etapa do processo formativo:                                                                                                                                 

Vocacional

“Deus se faz concreto a cada passo que damos

em direção à Sua voz"

(Padre Fabio Lima - Fundador).

Preenchidos os requisitos estabelecidos pela comunidade, a pessoa que deseja fazer o caminho vocacional se dispõe a viver um tempo de descoberta de si mesmo (a), buscando redescobrir a sua vocação de batizado e conhecendo o carisma e missão Instrumento de Deus. O Vocacional tem a duração de um ano, após o qual o vocacionado poderá solicitar o seu ingresso na Etapa do Caminho.

Caminho

“ No dia seguinte, João estava lá de novo, com dois dos seus discípulos. Vendo Jesus caminhando, disse: Eis o Cordeiro de Deus! Os dois discípulos ouviram esta declaração de João e passaram a seguir Jesus.”

(Jo 1, 35-36)

Nesta etapa assim como os discípulos que ouviram a declaração de João e foram a caminho de Jesus, o formando entra em um caminho novo de conversão verdadeira e de entrega ao novo de Deus em sua história. Tempo de romper com as situações de pecado, lançar-se ao processo de conversão e sair de João Batista, que é sair de tudo o que o prende a vida velha, para viver o novo de Deus no seguimento do Cristo. Sendo acompanhado por um formador pessoal e pela formação comunitária. Ao final deste período, a pessoa poderá desejar viver uma experiência mais de perto na comunidade e adentrar na experiência da comunidade de vida

Encontro

“Encontramos o Cristo!”

(Jo 1, 41b)

Neste momento do processo de formação a vida do formando é mergulhada neste encontro com o Cristo. Assim como os discípulos que saíram de João reconhecem o tão esperado Cristo e com Ele vivem um verdadeiro encontro, assim neste tempo o formando é levado a viver, mergulhado na imensidão deste amor de Cristo que tudo renova e transforma.Viver neste amor de Cristo trás uma vida nova e leva a pessoa a conhecer um novo caminho em sua existência.Jesus é a Boa Nova e neste tempo a pessoa vive esta experiência da Boa Nova na sua vida, mergulha nos ensinamentos de Cristo, vivendo a graça do perdão, da alegria de servir e ser de Deus, lança-se a viver o tempo de serviço e apostolado na comunidade e entrega da própria vida ao outro, como o Cristo nos ensina.

Discipulado 1° Ano

“Vendo Jesus caminhando disse: Eis o Cordeiro de Deus!

Os dois discípulos ouviram esta declaração de João e passaram a seguir Jesus."

(Jo 1, 36-37).

Caminho de seguimento aos pés do Mestre, Jesus. Neste tempo o discípulo faz um caminho de aproximação e descoberta de quem é o Mestre. Aproximando-se do carisma e missão da comunidade, vivendo o apostolado e a vida fraterna. O ser discípulo requer compromisso e entrega da vida a este tempo.A exigência do caminho requer uma dedicação e fidelidade do formando, estar aos pés do mestre requer uma decisão madura e decisiva.

Após o término deste período o formando poderá realizar o pedido de ingresso para a Comunidade no segundo ano do discipulado.

Discipulado 2° Ano

“O que procurais? Eles responderam: Mestre onde moras?

Ele respondeu: Vinde e Vede. Foram, viram onde morava e permaneceram com Ele aquele dia”

(Jo 1, 38b-39).

Aos pés do Mestre, o discípulo é chamado a viver a experiência da intimidade com Ele, perto do seu coração, ouvindo-O e seguindo-O. Vivendo o carisma, o discípulo passa a ter a sua vida radicalidade de ser Igreja.

Tempo de viver a decisão por este carisma e missão. Compromisso e Maturidade marcam este tempo de formação .

Todos os que chegam a esta etapa mergulham na intimidade com o Cristo, viverão um tempo de deserto interior,discernimento  e decisão do estado de vida para os solteiros  e de compromisso fecundo dos casais que juntos ou não viverão este processo.

Ao término deste tempo, de no mínimo um ano, após um discernimento profundo da vontade de Deus, o discípulo poderá solicitar à Comunidade o pedido de Consagração.

Até aqui foram descritos o Caminho da Comunidade Aliança, onde os membros vivem fazem todo o Caminho de formação vivendo em suas casas e sendo testemunhas da sua vida com Deus nos trabalho e nos estudos.                 

A Experiência  na Comunidade de Vida

Viver o rompimento com a sua vida cotidiana e experimentar uma vida de entrega total e desinteressada aos pés do Mestre.

Neste tempo a pessoa fará o discernimento de viver em comunidade de vida ou aliança. Ou se realmente a sua vocação é na comunidade Instrumento de Deus.

No inicio do processo formativo do Encontro ela solicita à comunidade o desejo de adentrar na experiencia de vida. Onde permanecerá por 1 (um) ano vivendo a rotina e as atividades da Comunidade de Vida.

Deserto

Após a experiencia (de vida), a pessoa, decidindo continuar na pertença de vida, fará um tempo de deserto e nos fins de semana estará em missão na comunidade e viverá um caminho mais reservado para a entrega total da sua história, sendo cuidada e moldada por Deus.

Discipulado Missionário

Viverá neste tempo a intimidade com o Mestre missionário, que vai ao encontro das necessidades da missão aonde for necessário.

Aproximando-se do carisma e missão da comunidade, vivendo o apostolado e a vida fraterna. O ser discípulo requer compromisso e entrega da vida a este tempo. A exigência do caminho requer uma dedicação e fidelidade do formando, estar aos pés do mestre requer uma decisão madura e decisiva.

*aqui, o formando segue nas etapas formativas. junto aos membros de aliança.

Discipulado 2° Ano

“O que procurais? Eles responderam: Mestre onde moras?

Ele respondeu: Vinde e Vede. Foram, viram onde morava e permaneceram com Ele aquele dia”

(Jo 1, 38b-39).

Aos pés do Mestre, o discípulo é chamado a viver a experiência da intimidade com Ele, perto do seu coração, ouvindo-O e seguindo-O. Vivendo o carisma, o discípulo passa a ter a sua vida radicalidade de ser Igreja.

Tempo de viver a decisão por este carisma e missão. Compromisso e Maturidade marcam este tempo de formação .

Todos os que chegam a esta etapa mergulham na intimidade com o Cristo, viverão um tempo de deserto interior,discernimento  e decisão do estado de vida para os solteiros  e de compromisso fecundo dos casais que juntos ou não viverão este processo.

Ao término deste tempo, de no mínimo um ano, após um discernimento profundo da vontade de Deus, o discípulo poderá solicitar à Comunidade o pedido de Consagração.

Tendo vivido os cinco anos de processo formativo na obra, o discípulo, já pode pedir à comunidade a consagração de Vida ou de Aliança.

LOCALIZAÇÃO

Casa Sede

 

R. Carmina Pasqui, 55 - Vila Dom Pedro II, São Paulo - SP, Brasil

Missão Parada Inglesa

Casa de Oração

 

Tv. Jonas Barbieri, 1 - Vila Maria Baixa, São Paulo - SP, Brasil

Missão Oásis da Imaculada

SIGA-NOS
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Icon
  • Instrumento de Deus

(11) 2955-5806 | (11) 98781-4556 | secretaria@instrumentodedeus.com.br

Comunidade Católica Instrumento de Deus

Roberto Castilho Gandarez